Por que as taxas de transação do Bitcoin estão tão caras?

Quem usa o Bitcoin hoje está ficando assustado. As pessoas estão chegando a pagar cerca de US $ 10 em taxas para fazer uma transferência, o que torna inviável usar o Bitcoin de maneira tradicional, como meio de pagamento de compras com valores pequenos.

Mas você já se perguntou por que isso acontece? O que são essas taxas e porque elas são cobradas? Para que servem? Por que estão tão altas?

Bom para compreender porque é que o valor é tão alto, precisamos antes entender alguns conceitos básicos pertinentes à rede Bitcoin.

Como já sabemos, o Bitcoin trabalha dentro de uma rede descentralizada. Sabendo disso, antes de prosseguirmos, precisamos saber a diferença entre uma rede centralizada de uma descentralizada.

Rede centralizada

Nos primórdios da web existiu um serviço de troca de músicas no formato mp3 chamado Napster. Os mais velhos devem se lembrar disso. Era uma rede P2P centralizada. Isso significa que havia um servidor central,  nesse caso, o próprio Napster, que intermediava todas as trocas de mp3 entre todos os participantes dessa rede.

Se esse centro fosse derrubado, toda a rede cairia. E foi justamente o que aconteceu. Após um processo da justiça o Napster foi fechado.

Rede Descentralizada

Desde então novas propostas de compartilhamento arquivos na Internet foram desenvolvidas.

Bittorrent, um programa de compartilhamento de hashes para download e upload de arquivos que são baixados de forma distribuída e mútua, foi uma dessas que deu certo. Justamente por ele ser descentralizado.

Um participante inicial cria e distribui um arquivo torrent que contém informações que dão acesso a uma rede onde outros arquivos (filmes, musicas, etc) podem ser compartilhados entre os demais participantes dessa mesma rede. Todos que tem esse arquivo, baixam e mandam ao mesmo tempo o arquivo em evidência.

Cada torrent é uma rede independente dos outros torrents e sem um ponto central. Se o participante inicial sair, o compartilhamento dos arquivos entre os demais participantes continua funcionando sem ele.

É por isso que até se consegue fechar alguns sites de torrent como o piratebay, mas ninguém consegue acabar com a rede torrent. Pois esses sites apenas distribuem os arquivos torrent que dão acesso aos arquivos que estão em computadores alheios de forma descentralizada. Eles não gerenciam as conexões entre os participantes da rede. É impossível matar o Bittorrent sem matar a Internet junto.

download-6-1-300x183 Porque as taxas do Bitcoin estão tão caras?

Mas o que isso tem a ver com dinheiro?

Fazendo um paralelo, o Real (R$) é uma moeda centralizada. O centro seria o banco central, a receita federal, o governo, etc. Esse centro tem o poder de controlar a emissão (e provocar inflação) da moeda e fiscalizar/controlar quem pode transacionar com quem.

O Bitcoin é uma moeda que não possui esse tipo de centro. Cada participante é ao mesmo tempo usuário e fiscal dentro da rede. Custodia o seu próprio dinheiro.

Mas como isso é possível?

Para fins didáticos, imagine que alguém crie um tipo novo de torrent. Ele serve para compartilhar um arquivo apenas. Mas não é um arquivo de música ou filme. Esse arquivo é um livro contábil contendo transações financeiras em uma nova moeda que acabou de ser inventada e só existe dentro desse livro.

Os participantes dessa nova rede não apenas compartilham esse arquivo mas também continuam alimentando esse livro à medida que novas transações são realizadas.

Esse livro contábil é chamado de Blockchain. Ele fica dentro de computadores que se chamam Nodos.

Quem trabalha para o Bitcoin?

Novas transações são geradas a cada instante pelos usuários da rede.

Quem inclui as novas transações na blockchain são participantes comuns ou especializados que assumem o papel de “mineradores”, baixando um software geralmente gratuito.

Eles organizam as novas transações em conjuntos chamados de blocos e inserem esses blocos no livro contábil que ficam dentro dos nodos. Por isso o nome Blockchain (corrente ou cadeia de blocos).

Mas por que as pessoas deixariam seus computadores ligados 24 horas por dia para alimentar esse livro com novos blocos? Isso tem um custo. É preciso haver algum incentivo.

No caso do Bitcoin existem duas formas de recompensar quem alimenta a blockchain.

A primeira forma é com novas unidades de Bitcoin. A cada bloco gerado, novas bitcoins são criadas para serem pagas como um prêmio para aquele participante da rede que “montou” esse bloco processando as transações de outros usuários.

É por isso que são chamados de mineradores. Pois é como se eles estivessem garimpando essas novas unidades de Bitcoin fornecidas pelo programa.

Mas para que o Bitcoin tenha valor, ele precisa ser escasso. Isso é um conceito básico de economia. Novos bitcoins não podem ser gerados infinitamente.

Para resolver isso, depois que uma determinada quantidade de bitcoins é gerada, essa recompensa diminui pela metade a ada 4 anos. E depois pela metade novamente. E assim por diante. Chegará um dia em que essa recompensa será quase zero. Isso está registrado na programação do programa oficial do Bitcoin Core.

Quando esse dia chegar, a quantidade de bitcoins em circulação estará em torno de 21 milhões. É por isso que tanto se fala nesse limite máximo de 21 milhões de bitcoins. Hoje já temos cerca de 16 milhões.

(Vou abrir um parêntese aqui: Quando você compra um bitcoin, você não está comprando um dos novos que estão sendo gerados agora. Mas sim está comprando de alguém que já possui a mais tempo e está vendendo (transferindo) pra você. Já vi algumas pessoas pensando que elas precisam comprar antes que os 21 milhões acabem, mas não é isso que acontece. Esse limite não impedirá que novas pessoas entrem na rede.)

Voltando ao limite máximo de bitcoins, temos um novo problema.

Quando todos os 21 milhões de bitcoins forem gerados, como os mineradores serão recompensados? Se não houver uma forma de incentivá-los a continuar minerando novos blocos, a rede do bitcoin irá morrer por inanição.

É aqui que entra a segunda forma de recompensar os mineradores:

As taxas de transação

Cada transação inclui uma taxa a ser paga ao minerador..

O objetivo é fazer com que os mineradores continuem alimentando o livro contábil quando todos os bitcoins já tiverem sido criados.

pagamento por esse trabalho serão as taxas retiradas das transações.

Essa taxa não possui um valor fixo. Você pode oferecer 1 centavo, 10 centavos, um milhão ou quanto você quiser de taxa de transação.

Temos ainda mais um problema.

O tamanho do bloco.

Para que a rede do bitcoin continue funcionando de forma descentralizada, é preciso que muitos mineradores tenham oportunidade de criar os blocos.

Se o bloco puder ser muito grande, os maiores mineradores, aqueles com maior poder computacional, irão incluir todas as transações em um bloco grande e inserir na blockchain.

Isso afastaria os mineradores menores e acabaria com a natureza descentralizada do Bitcoin.

Esses grandes mineradores remanescentes teriam poder suficiente para mudar as regras do Bitcoin para o bem ou para o mal.

Isso ainda colocaria o Bitcoin em risco de ser derrubado, assim como o Napster, pois bastaria derrubar esses grandes mineradores (centros).

E é por isso que o bloco possui um tamanho limitado de 1 MB.

Alem disso só se pode gerar um novo bloco a cada 10 minutos, pois se os blocos forem gerados muito rapidamente, ficaria difícil manter todos os nodos da rede blockchain de forma sincronizada.

Com isso, chegamos ao problema final dessa história

Os limites de tamanho do bloco de transações e de tempo criam um gargalo para a quantidade de transações feitas num espaço de tempo.

Hoje em dia, com o aumento da popularidade e da demanda por bitcoins, existem transações sendo criadas numa velocidade muito maior do que a rede consegue processar.

Enquanto um bloco comporta em torno de 2 mil transações, em alguns momentos, temos mais de 100 mil transações esperando uma oportunidade de serem processadas por um minerador e entrar em algum bloco para serem de fato consideradas oficiais ou confirmadas pelos nodos.

Os mineradores então ficam livres para escolher quais transações eles vão incluir no bloco primeiro.

E qual critério eles usam para decidir isso? Isso mesmo que você pensou. Eles escolhem as transações que pagam taxas maiores.

Em uma lista de espera de 100 mil transações, caso você queira que a sua transação seja processada rapidamente, você precisa pagar taxas que o coloque nas primeiras posições desse ranking. Lembrando que essas transações não ficam numa fila de espera, mas sim, numa espécie de leilão onde “quem dá mais” vai primeiro.

Eu disse anteriormente que você pode escolher quanto quer oferecer de taxa, mas a maior parte das carteiras de Bitcoin já faz esse cálculo automaticamente para que a sua transação não fique esperando eternamente para ser processada.

As transações estão competindo entre si para ver quem consegue chegar primeiro. E é por isso que as taxas estão tão altas.

Os usuários do Bitcoin acreditam que isso é um problema temporário, justamente porque já foram desenvolvidas soluções que resolvem esse problema, como o Ligthtning Network.

Para compreender do que se trata o Lightning Network clique aqui.

Aqui tem um vídeo de como isso funciona na prática:

 

 

Existem soluções sendo testadas para que mais transações possam ser processadas sem que a descentralização da rede seja colocada em risco.

Outras ideias para a solução desse problema, estão sendo constantemente criadas e desenvolvidas pela comunidade de programadores do Bitcoin Core. É claro que há vez ou outra alguma discordância no que tange as ideias, o que geralmente pode ocasionar um fork de desenvolvimento, e a criação de novas moedas. 

No futuro espera-se que a rede possa suportar a demanda. Isso é muito importante para que o Bitcoin continue crescendo e se valorizando.

Mas enquando o uso da Lightning Network não se populariza, nosso site se encarregou de desenvolver uma calculadora de taxas de transação. Basta clicar aqui para usar.


Você gostou deste conteúdo?

Recomende ele para que mais pessoas o leiam!
Ajude o nosso site cedendo um pouco de poder de processamento!


Loading...

Faça uma doação via bitcoin:

download-6-1-300x183 Porque as taxas do Bitcoin estão tão caras?
download-6-1-300x183 Porque as taxas do Bitcoin estão tão caras?

Por favor, doe para o endereço Bitcoin: [[address]]

Donation of [[value]] BTC Received. Thank You.
[[error]]


Ou via Nano:

download-6-1-300x183 Porque as taxas do Bitcoin estão tão caras?
download-6-1-300x183 Porque as taxas do Bitcoin estão tão caras?

Por favor, doe para o endereço Raiblocks: [[address]]

download-6-1-300x183 Porque as taxas do Bitcoin estão tão caras?
Donation of [[value]] BTC Received. Thank You.
[[error]]


Aproveite também para nos seguir nas redes sociais:


Nos siga no Twitter | Facebook