Atomic Swaps! Futuro das Criptomoedas!

Como já explicamos nesse artigo, a Lightning Network promete confirmações de transações de forma instantânea com taxas baixas.

O que não está tão óbvio é que esta camada off-chain que promete acabar com os problemas de escalabilidade do Blockchain, não se limita só ao Bitcoin. O mesmo protocolo peer-to-peer pode potencialmente ser ampliado para ser interoperável com outras altcoins.

Isso quer dizer que você vai poder permitir que empresas processadoras de pagamento possam realizar trocas. Vão ser como “hubs bancários”.

Atomic Swap (s)

Interoperabilidade entre o Bitcoin e demais altcoins não é novidade. Os chamados “atomic-swaps” (ou atomic cross-chain tradings) já foram propostos em 2013.

Também conhecidas como “atomic cross-chain swaps”, a tecnologia, basicamente, permite que duas pessoas mantenham tokens em duas blockchains diferentes para negociar diretamente — e instantaneamente — em o risco de uma parte fugir com o dinheiro do outro antes que o negócio seja fechado.

É aí que entra a palavra “atomic” entra. Ela significa que a negociação acontece na sua totalidade, ou não acontece. Se um nodo da Lightning Network estiver desconectado ou alguém renunciar antes do negócio ser fechado, todo mundo recebe o dinheiro de volta. — Fonte

Vamos dizer que Alícia tem 200 litecoins, mas prefere 1 bitcoin. João tem 1 bitcoin mas prefere 200 litecoins. Então Alícia e João concordam em negociar, certo? Mas de nenhuma maneira, Alicia e João, confiam um no outro e muito menos os dois querem ser os primeiros a mandarem as suas moedas para esperarem a contra-partida.

É nessa hora que Alícia e João podem fazer um atomic swap.

Atomic swaps utilizam um truque inteligente conhecido como “hash-time-locked contract” que, por sua vez, alavancam o potencial de carteiras multi-assinadas e dos time-locks. Tudo isso é habilitado pela linguagem de script básica encontrada no Bitcoin e na maioria das altcoins, incluindo o Litecoin.

Resumindo, Alícia e João enviam transações para ambos os blocos: um em Bitcoin e outro em Litecoin. A transação Bitcoin envia 1 bitcoin de João para Alícia, mas Alícia só pode reivindicar este bitcoin se ela revelar um número secreto, que só ela sabe. A transação Litecoin envia 200 litecoins de Alícia para João, mas requer o mesmo número secreto em ambas as cadeias.

Quando Alícia reivindica seu bitcoin, ela revela seu número secreto na cadeia de bitcoins. E com esse mesmo número secreto, João pode, por sua vez, reivindicar seus 200 litecoins.

Mesmo que as transações estejam em Blockchains diferentes, elas estão efetivamente vinculadas. João só precisa monitorar a Blockchain do Bitcoin para ver se Alícia pediu requisitou bitcoin para que ele pudesse reivindicar seus litecoins.

Tudo isso já funciona hoje. Mas é um pouco complicado. Mas não há nada que pode ser melhorado.

Lightning Network (s)

Antes que os Atomic Swaps possam ser realizados, precisamos de duas Blockhains separadas com Lightning Network funcionando nas duas.

A Lightning Network foi projetada especificamente para o Bitcoin. Mas as altcoins que são forks da base original do código do Bitcoin — como Litecoin, Dogecoin ou Zcash — também são capazes de hospedar Lightning Networks. Outras altcoins, desde que incluam capacidades de scripts semelhantes ou mais extensas (como Ethereum ou Ethereum Classic), permitem soluções iguais as anteriormente mostradas.

Como os atomic swaps, a Lightning Network utiliza contratos fechados por horário de hash (hash time-locked contracts). Isso quer dizer que onde os atomic swaps efetivamente interligam Blockchains, a Lightning Network liga os canais de pagamento.

E exatamente porque a mecânica subjacente é a mesma, não é difícil combinar a Lightning Network com os atomic swaps. Este processo torna as diferentes Lightning Networks interoperáveis ​​em Blockchains diferentes.

Isso significa que um interlocutor que abre canais em ambos as Blockchains pode servir como um processador de pagamento, um “exchanger” de altcoins e exercer muitas outras funções financeiras.

Por fim, as Lightning Networks alternativas podem até melhorar a Lightning Network do Bitcoin de certa forma. Por exemplo, um pagamento par Bitcoin pode ser encaminhado através de pares Litecoin, se a rota mais barata for essa. Os usuários que operam em moedas múltiplas inclusive podem reequilibrar seus canais.


Você gostou deste conteúdo?

Recomende ele para que mais pessoas o leiam!
Ajude o nosso site cedendo um pouco de poder de processamento!


Loading...

Faça uma doação via bitcoin:

bitcoin-image Cross Atomic Swaps: Como a Lightning Network se estende à altcoins.
bitcoin-image Cross Atomic Swaps: Como a Lightning Network se estende à altcoins.

Por favor, doe para o endereço Bitcoin: [[address]]

Donation of [[value]] BTC Received. Thank You.
[[error]]


Ou via Nano:

bitcoin-image Cross Atomic Swaps: Como a Lightning Network se estende à altcoins.
bitcoin-image Cross Atomic Swaps: Como a Lightning Network se estende à altcoins.

Por favor, doe para o endereço Raiblocks: [[address]]

bitcoin-image Cross Atomic Swaps: Como a Lightning Network se estende à altcoins.
Donation of [[value]] BTC Received. Thank You.
[[error]]


Aproveite também para nos seguir nas redes sociais:


Nos siga no Twitter | Facebook